Início > Livros > The Luxe

The Luxe

É tipo um Gossip Girl na virada do século XIX para o Século XX. Essa é a descrição que nove entre dez pessoas faz a respeito do livro. E não é de se estranhar, o livro realmente relata a vida de algumas pessoas bem abastas em Nova York no final do século XIX. Mas acredito que as semelhanças entre os dois livros acabem por aí. Demonstrar a vida e intrigas das classes abastadas não nenhuma novidade, Choderlos de Laclos já fez isso no século XVIII com As ligações perigosas e ninguém, graças a Deus, compara a obra dele com  Gossip Girl. Os livros da Anna Godbersen possuem uma personalidade bem própria, os personagens dela um pouco mais de consistência e são fáceis de ser gostar, e uma parte legal é a importância que ela coloca nos personagens que não fazem parte a elite.

Sobre o que é o livro: A história começa com o funeral da jovem Elizabeth Holland, e sobre como a morte prematura e estranha da jovem Chocou a sociedade nova-iorquina. E para aí. Os próximos capítulos mostram os fatos que levaram até a morte de Elizabeth.

 O livro é marcado pela vida e hábitos de luxuoso da sociedade da Belle Epóque. Uma sociedade que acreditava viver no ápice da sociedade humana, deslumbrados por sua cultura, descobertas tecnológicas e melhoras na qualidade de vida. Esse pensamento é bem exemplificado com a personagem Penelope Hayes, que acredita que tudo que existe de interessante para se ver está em Nova York. O livro é focado na vida das Irmãs Elizabeth e Diana Holland. E o que elas acontece com elas depois que o pai dela morre deixando a situação financeira delas bastante complicado.

Por que é legal: O livro é leve, não consome tempo nem muita atenção do leitor, é um dos livros que é perfeito pra deixar dentro da bolsa para ler em fila de banco ou quando se tem que esperar por alguém. O problema é: Fica complicado largar o livro quando se envolve com a história das irmãs Holland. A narrativa da autora é muito legal, tanto no primeiro livro, quanto no segundo, as duas ou três primeiras partes contam o final do livro, e depois, os eventos que levam até aquele determinado momento. O que é muito legal quando é bem feito, e a Godbersen faz isso muito bem, deixando o leitor desesperado pra saber como as tudo aconteceu. No início de cada capítulo há de algo que seria de um pedaço da coluna social da época, e talvez seja aí que tem a maior semelhança entre a série e Gossip Girl, mas para por aí. Além de pedaços de coluna social, a autora também coloca o que seria parte de livros de boas- maneiras, e de comportamentos tanto para as jovens moças da sociedade quanto para seus empregados. O que querendo ou não ajuda o leitor a entender melhor a mentalidade daquela época.

“Para os leitores das páginas sociais de Manhattan, a reputação de Elizabeth Holland, é tão segura quanto o corset preso em torno de seu peito. Na tenra idade de dezoito anos, ela é uma garota de maneiras e elegância impecáveis – Alta e magra, com cachos loiros emoldurando seu rosto em formato de coração.” (tradução livre retirado do site da autora.)

A personagem Lina é um dos mais legais da série, ela é criada da Elizabeth, mas não dá pra falar muito sobre ela sem dar spoiler importantes sobre a série.

O que não é tão legal assim: O livro é previsível, não ocorre nada que não seja esperado, da pra entender cada coisa que vai acontecer sem grandes mudanças de enredo. O vocabulário, na versão americana, é um pouco chato por utilizar muitas partes do vestuário que não são muito comuns, mas rapidinho se acostuma.

 Dos próximos livros já tenho Rumors e deu uma lidinha rápida nos primeiro capítulos. A autora tem um site oficial com bastante informação sobre a série, com concept art dos personagens e informações extras. O primeiro livro é mais focado em Elizabeth tanto que o extra do primeiro livro no site da autora fala exatamente sobre ela.


Anúncios
Categorias:Livros Etiquetas:,
  1. Agosto 3, 2011 às 7:54 pm

    Tô super curiosa pra ler essa série, já ouvi maravilhas…
    Ainda mais por ser da Belle Epóque minha favorita de todos os tempos!Kkk

    A época é bem propicia a essas criticas sociais e intrigas que hoje todo mundo associa a Gossip Girl mas existe desde sempre,
    e acho que era até mais intensa nesse período em que tempo sobrava na mão das pessoas! Kkk
    A estabilidade da época dava essa sensação de ser intocavel ainda mais pros membros da elite que imaginavam que isso ia permanecer pra sempre… se eles soubessem que a guerra estava tão próxima! O.o
    Enfim, minha curiosidade quanto a série segue esse rumo como a autora lida com história e sociedade na narrativa, mas do a trama em si.
    Só não ficou claro pra mim o tema do livro, é a investigação da morte da personagem ou a intriga em si… ? Vou ler de novo a resenha as vezes perco algumas informações na primeira leitura! Kkk
    Ótima resenha!e Ligações Perigosas é uma ótima sugestão de leitura.

    Bj

  2. Agosto 3, 2011 às 7:56 pm

    Ahh tá já achei! Realmente tinha perdido…
    Coisas de Deficit atenção, liguem não! ;D

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: